Slide

Blog Conheça o novo Cores 07/02/2019

Escrevi Isso Pra Você | Resenha


Ei! Tudo bem?
Espero que sim :)

É com um imenso prazer que eu estreio o novo layout do blog com uma resenha de um livro sensacional. Um livro de poemas que me mostrou tantos sentimentos que não imagino como vou escrever sobre ele para vocês. Isso o fez, para mim, ser a melhor leitura de 2019 (até o momento).

Autor(a): Iain S. Thomas
Editora: Sextante
Gênero: Poema
Páginas: 208
Sinopse: Escrevi isso pra você é uma coletânea de poemas contemporâneos sobre os diversos momentos do amor: a paixão e o encantamento dos primeiros tempos, o lento afastamento, a solidão a dois, a dor do fim e a esperança de novos começos. Reunindo cerca de 200 textos divididos em quatro partes - Sol, Lua, Estrelas, Chuva -, o poeta sul-africano Iain S. Thomas combina palavras profundas e intensas com fotografias frias e impessoais. O resultado é um livro que provoca uma explosão de sentimentos perturbadores e conflitantes, mas totalmente familiares a qualquer pessoa que já tenha amado e sofrido pelo menos uma vez. Conhecido nas redes sociais pelo pseudônimo pleasefindthis, o autor começou sua trajetória na internet, publicando poemas e fotos em seu blog pessoal. Com o tempo, seu trabalho ganhou repercussão, se transformou em livro e encantou milhares de leitores ao redor do mundo. Com extrema delicadeza, Escrevi isso pra você expõe a natureza frágil das relações humanas e as nuances líricas e obscuras do amor.


"Você sempre me diz que foi bom enquanto durou. Que as chamas mais intensas são as que queimam mais rápido. Ou seja, você via em nós uma vela. E eu via em nós o sol."

Sol, Lua, Estrelas e Chuva, são fenômenos ou astros que quando transformados em poesia podem criar diversos significados. É isso que Iain S. Thomas faz quando escreve Escrevi Isso Para Você selecionando quais poemas cabem em qual tema.

Um relacionamento surge, dura e acaba, a dor que vem e a dor que vai são os principais pontos desse livro que conta intimamente como pode ser sentir a paixão, o amor e como é perder tudo isso com uma simples palavra de "fim". A reconstrução, entender a vida sozinho novamente é outro momento que pode mudar completamente uma pessoa. São esses pequenos detalhes que misturados com fotografias conflituosas montam a obra.


Em toda a minha vida de leitora eu nunca usei tanto post-it quanto usei no momento em que decidi iniciar a leitura de Escrevi Isso Pra Você. Para falar a verdade eu nem gosto de colocar marcações nos livros, mas nessa obra precisei mudar minhas vontades, pois é impossível não quer gravar algumas páginas.

Porém, mesmo com essas marcações que indicam que lerei partes específicas, os poemas me cativaram tanto que esse livro já está na minha escrivaninha e eu tenho certeza que irei realizar a leitura em diversos momentos de minha vida, para que mais significados sejam criados.

Inclusive, essa é uma obra sobre significar algo, seja o amor ou não. Então você não precisar estar necessariamente apaixonado por alguém para se sentir impactado com os textos de Iain, pois seus significados vão além daqueles pré-conceituados em nossa cabeça.

E um ponto muito legal disso tudo são as divisões que o livro possui. No sol, de uma maneira mais filosófica, podemos entender que é o calor, então é o momento de alegria, paixão, momentos em que as sensações são mais sentidas e estão mais calorosas, à flor da pele. Logo, os poemas serão sobre deixar sentir tudo o que é possível, seja sentir você mesmo ou o próximo.

Depois acompanhamos a Lua, em que as coisas finalmente acontecem porque a pessoa em questão estava aberta a sentir tudo o que o mundo podia proporcionar no momento.

E chegamos nas Estrelas, que sempre foram idolatradas e idealizadas, então esse é o fim, é quando o amor acaba e é preciso se reconstruir e tentar novamente, mas sempre pensando no passado e em como o presente poderia ser melhor se as coisas ainda fossem como antes.

Por fim, é com a Chuva que percebemos que o passado precisa ficar lá atrás e é necessário preservar o presente para que exista um futuro brilhante. Uma hora a chuva passa, afinal.Todos os momentos são colocados de forma que levam o leitor a sentir a dor ou a felicidade do eu lírico.

Nesse livro os sentimentos são tão intensos que é impossível não pegar a emoção da história e sentir exatamente o que as palavras querem passar.


"Ah, deixa disso. Toda vez que chove, a chuva para. Toda vez que você se machuca, você se cura. Depois da escuridão sempre há luz, e toda manhã é um lembrete disso, mas mesmo assim você prefere acreditar que a noite vai durar para sempre. Nada dura para sempre. Nem o bom nem o ruim. Então você pode muito bem sorrir enquanto está aqui."

Existe muito que falar sobre esse livro, mas quero que vocês entrem nos poemas de olhos fechados para que eles possam se abrir lentamente, assim o final será surpreendente. Porém, ainda posso ressaltar alguns pontos que me interessaram mais do que outros. 

Impossível dizer que a Chuva não foi a melhor parte para mim sendo que quase todas as marcações que eu fiz durante a leitura se concentram nessa área. Isso se deve ao momento em que eu realizei a leitura, porque às vezes a gente pega o livro certo na hora certa e nosso caminho logo se ilumina com as palavras lidas. Então enquanto as outras partes falam sobre amar, Chuva fala sobre recomeços e perdões com uma vibe maravilhosa, e era tudo o que eu precisava para me reestruturar. 

Impossível também é não dar destaque as fotos do livro.

Elas complementam os poemas de forma estranha e extremamente peculiar, mas tudo se torna mais agradável quando você passa a se aprofundar mais na parte filosófica das pequenas histórias que temos em cada página.

As fotografias, que sempre estiveram presentes em minha vida, ganharam um espaço mais sentimental em meu coração e fez com que eu me sentisse mais próxima da produção e do que o autor queria passar para o leitor.

Inclusive, é meu primeiro contato com algo do Iain, descobri que ele compartilhava esses poemas em seu blog e a repercussão foi tanta que acabou virando livro. Fico muito feliz por isso.

Entendo agora por qual motivo a junção foto e poema ficou tão famosa, pois é com isso que as emoções conseguem se aflorar e acabamos com pensamentos conflitantes, mas necessários.


E mesmo que eu tivesse a chance de passar todos os dias falando sobre esse livro eu sei que ainda não seria tempo suficiente para expressar todos os sentimentos e as emoções que ele causa, pois cada um irá sentir de uma maneira, isso que torna a obra tão grandiosa e o que me faz querer compartilhar para que o mundo possa ter contato com algo assim.

Em tempos sombrios nós precisamos de uma luz, livros com poemas com certeza são um caminho para nos entendermos e entendermos melhor o próximo assim como o que está acontecendo com o mundo em nossa volta.

Indico hoje, amanhã e depois também, porque apesar de até agora ser a melhor leitura de um ano que acabou de começar, sei que posso afirmar que é o melhor livro de poema da atualidade que eu tive contato.

Infelizmente preciso abandonar a resenha, mas me alegra muito saber que essa é a postagem que abre essa nova trilha que o blog está seguindo e que promete me dar muitas realizações em 2019 e nos próximos anos também. Espero que vocês gostem desse novo formato.

"Você sempre espera um sinal, mas, quando ele chega e você não gosta da resposta, chama de coincidência. Não existem coincidências." 

Nota: 5/5 ♥ 
*Livro cedido em parceria com a Editora* 

Compre Escrevi Isso Pra Você | Amazon | Submarino

Um beijo e paz no coraçãozinho de vocês! ✩

  1. Que resenha boa! Um livro tão pequeno, mas tão cheio de emoções só podia dar nisso!
    Amei as fotos e os trechos que colocou, fiquei suspirando aqui.
    Gosto muito de ler esse genero em alguns momentos especificos da vida e esse parece mesmo imperdivel!

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é maravilhoso, não tenho palavras para descreve-lo.
      Muito obrigada :)

      Excluir
  2. Oláaaa ♥

    Melhor indicação que recebi hoje! Já fui fisgada de cara pelo título, a narrativa parece ser incrível como um todo, tenho me aberto a novas possibilidades, ler poesias e poemas tem ganhado cada vez espaço em meu coração, incrível o poder que algumas palavras tem de nos curar, não é mesmo? Esse livro parece marcar de uma forma tão positiva ♥ Fiquei querendo ler pra já. Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ooi!

      Fico muito feliz em ler isso, minha função aqui é divulgar obras que mexem com a gente! Você precisa se envolver nas poesias, confesso que levei um tempo, mas quando entendi a força das palavras não larguei mais.

      Excluir
  3. Oi Cecília.
    Adorei a proposta do livro mesmo não gostando tanto de poemas. Mas a calidez que ele aparenta ter me dá uma sensação boa de amor. Sou apaixonadas por livros assim e se esse conseguiu fazer isso somente na resenha, certeza que vou amar conhecer ele.
    Beijos.
    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Jessica!

      Fico feliz em ler isso :)
      Você vai se apaixonar sim, tente dar uma chance!

      Beijos.

      Excluir
  4. Oi,tudo bem ?

    Nossa esse post foi uma grata surpresa, pois amo poemas e estava tentando encontrar uma boa indicação. Gostei bastante da proposta e com toda certeza adicionei aqui na lista e vou procurar ele hoje mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei!

      Fico feliz em saber que fiz uma indicação certa para você. Como uma fã de poesias você vai se apaixonar por essa obra.

      Excluir
  5. Que linda sua resenha sobre esse livro.
    Eu amo poemas e é meu sonho um livro de poesia com 208 páginas igual a esse kkk, sempre que pego dos autores ou editoras não chega nem a 100 páginas.
    Vou anotar a dica e procurar esse com certeza.
    Bjus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada :)
      Exatamente! O autor não pode cansar no meio do caminho não haha
      Anota sim e depois de ler me conta o que achou.

      Beijos!

      Excluir
  6. Que resenha linda! Deu pra sentir como esse livro mexeu com você. Achei muito interessante o formato desse livro de poemas, dividido em temáticas de acordo com sol, lua etc. Amo esses elementos! Muito bacana mesmo tudo.

    Beijos,
    Isa
    taglibraryisa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Isa. Fico muito feliz em saber que passei minha emoções.
      Incrível, não é?!

      Beijos!

      Excluir