Assim Como És | Resenha

24 de mai de 2018

Foto: Naiara Aimee

Ei! Tudo bem?
Espero que sim :)

Em março a Naiara Aimee, uma Autora Independente muito fofa, acabou me passando o ebook de um conto de Romance de Época de sua própria autoria. Como vocês já devem imaginar, fiquei super feliz com a parceria e, mais ainda, com o livro que recebi. 

Hoje vou contar um pouquinho sobre essa história maravilhosa que além de ser deliciosa, nos deixa com gostinho de quero mais. Ah! Naiara, eu quero mais mesmo hein. 

Assim Como És - Naiara Aimee

Sinopse: Rebecca Kingsbury é uma moça gentil, doce, determinada e de aparência comum... só tem um pequeno detalhe. Ela é gaga. Mas isso não a impede de ser feliz, porém Rebecca nutre um sentimento de aversão por Henry Ashford que, doze anos atrás, a fizera se sentir extremamente humilhada. Será que agora, quando todos acreditam que ele se casará com sua irmã Rosamund, que é muito apaixonada por ele, ela o perdoará e acabará esquecendo sua antipatia por amor à irmã? Esse é um conto cheio de surpresas e reviravoltas que irá mexer com o seu coração.


Páginas: 86 | Autor(a): Naiara Aimee | Autor(a) Independente: Ebook Amazon | Gênero: Romance de Época

Rebecca é a filha mais velha dos Kingsbury, mas no lugar de ser motivo de orgulho, a menina é a desgraçada da família, isso segundo sua mãe. Becca, apesar de doce, meiga, gentil e muito carinhosa, teve problemas no seu desenvolvimento de fala, por isso, cresceu falando lentamente e até mesmo não conseguindo falar, fato que a fez desenvolver gagueira. 

Mas depois desse desespero enfrentado pela mãe, Rosamund nascera. A filha mais nova fora o orgulho da mãe, assim então, cresceu sendo paparicada por todos os lados, mas isso não a fez uma irmã malvada com as de Cinderela. Rosa é linda, por fora e por dentro. 

Vendo a preferência pela filha mais nova, o pai das meninas decidiu passar mais tempo com Rebecca que se sentia solitária em seu próprio mundo. Graças ao lado paterno, Becca passou a ler, a falar de forma mais concreta, a ter mais confiança, a ser determinada e a se orgulhar de quem é de verdade. Mas, infelizmente, o pai tão carinhoso veio a falecer, deixando a filha mais velha sozinha. 

Até que Henry Ashford volta à cidade e por ser capitão todas as mães querem ver suas filhas casadas com ele. Entretanto, esse não é o desejo de Rebecca para si mesma, afinal, o cara fora um babaca quando Becca era criança e ainda não era tão confiante. Mas a mãe das meninas não pensa o mesmo e, por isso, quer ver logo sua filha casada com o capitão, a filha mais linda... mais bela... mais educada... e, a filha que "sabe falar", ou seja, Rosamund.

Por ter tanta influência da mãe, Rosa acaba se encantando por Henry e se vê louca por um pedido de casamento. Todavia, enquanto a irmã se aproxima do capitão, Becca passa a visita-lo inevitavelmente para acompanhar Rosa, mas as coisas não saem como imaginado e ambos se... apaixonam.

"Era como se Rosamund fosse o lindo pavão de belas penas, com sua profusão de cores, e Rebecca uma pequena andorinha, com suas asas azuis. Enquanto a primeira chamava atenção logo à primeira vista, a segunda precisava ser apreciada mais atenciosamente."

É meu segundo contato com um conto de Romance de Época e posso dizer que estou muito feliz. A primeira vez foi com Lisa Kleypas em Uma Noite Inesquecível, e adorei a leitura, mesmo tendo alguns problemas com contos. Então me joguei na obra de Naiara em um dia e terminei logo depois que iniciei e posso dizer com certeza que estou muito apaixonada.

Não esperava muito da história, pois conheci Naiara em divulgações de seu romance, mas posso dizer que me encantei. Ela escreveu suavemente, com uma forma muito apaixonante somos encaminhados e direcionados a uma história magnífica.

A história de Becca e Henry é simples e muito doce, apesar do passado amargo. Becca é uma personagem que nos encanta, nos apaixona e nos fascina com sua simplicidade. Achei muitas vezes que ela não fosse levar a obra de forma brilhante, mas temos uma personagem cativante que merece muitas palmas por sua criação. Rebecca é genial de uma forma muito singela. Ela não precisa da "beleza exuberante" dos Romances de Época para conquistar os leitores e, é por isso que posso a considerar uma das melhores personagens do gênero.

Henry, por sua vez, não me levou ao delírio, mas senti seu amor pela personagem, então fico satisfeita. Ele é bem príncipe, logo, é fácil entender os motivos que levaram a paixão de Rosamund pelo mesmo em segundos. Acredito que Rosa seja uma Cinderela que se apaixona fácil, mas também, com um cara desses...

E é basicamente esse o circulo de personagens que me fizeram gostar mais um pouco da obra. Ah! Contudo, não posso me esquecer do pai das meninas, o pai maravilhoso que acredita nas filhas e na força de ambas, principalmente na força de Becca que passou muito tempo de sua vida reclusa por causa dos julgamentos de sua mãe. Esse é o pai da ficção que nos enche de orgulho e nos faz criar laços familiares sem ao menos termos contatos reais.

"Se você deixar que as pessoas façam a sua vida triste ela realmente será."

Fico muito alegre em encontrar autores nacionais por aí, principalmente autores que consegue nos transportar para outro mundo. Esse ano eu me prometi ler mais escritores independentes, então eu tenho muito que agradecer a Naiara por ter me dado à oportunidade de conhecer essa obra tão genial. Normalmente conhecemos Romance de Época importados, mas é sempre bom olhar para o nosso meio, descobriremos assim autores sensacionais de um gênero que tem muito que mostrar.

A leitura é super indicada para qualquer idade. Diferentemente de outros livros que se enquadra no aspecto, essa é uma obra bem romântica e com sua pitada de suspiros, mas não sexual, e isso é muito legal, pois abre espaço a novos leitores a se encontrarem e a se encantarem pelo gênero que é tão falado aqui no blog.

"Becca, precisa aprender a dar pouca importância ao que pensam de você, porque aqueles que a julgarem por sua aparência, ou por seu modo de falar, são aqueles que não valem a pena ter ao seu lado, pois não sabem enxergar a essência da alma, a bondade e o amor."

Com um jeito casto, singelo, inocente, puro e muito (muito!) romântico, Naiara nos fissura e nos leva a torcer por esse casal que tinha tudo para não seguir seu caminho juntos. De um jeito muito encantador, a escrita da autora nos mostra o significado de amor e ainda debate sobre alguns assuntos chegando ao preconceito.

Becca, a personagem principal, por ser gaga e ter problemas em se comunicar sofre na mão de sua mãe e em outros personagens que no final a faz mais forte, por isso, é um conto tão bom.

Tenho receio com contos, pois é tão difícil iniciar, construir e terminar uma ideia em poucas páginas que logo fico assustada quando imagino um Romance de Época assim, mas se você pensa como eu, fique tranquilo e jogue esses pré-conceitos no lixo, porque esse é sim um conto que vai te levar ao amor ideal em menos de 100 páginas.

"Nem todas as manhãs são de Sol, mas todas as noites são de sonhos."

Nota: 4/5 ♥
*Ebook cedido em parceria com a Autora*

Compre Assim Como És | Amazon


Um beijo e paz no coraçãozinho de vocês! ✩

6 comentários:

  1. Ahhh meu coração, mulher! Que resenha linda!Fico feliz em saber que apesar do receio que tem com contos consrguiu ser conquistada por ACÉ. E sou eu que te agradeço pela oportunidade de ter minha obra resenhada nesse blog lindo! Obrigada de coração pelo carinho e apoio ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Naiara!

      Fico tão feliz em ver seu comentário aqui!
      Muito obrigada, sua opinião me fez mais feliz, assim como ACÉ :) Continue essa autora sensacional que você é, e que você conquiste mais leitores com seus livros lindos!

      Excluir
  2. Que fofoooo, eu conheço a autora do instagram e já fui em um lançamento dela tb :)
    Achei linda essa premissa e ao contrário de ti eu AMO contos hehehe, já me encantei com esse só pela sua resenha!

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. Oii Cecilia. Eu não leio muitos contos mas me sinto fisgada pela premissa deste. Sou apaixonadas por histórias bem elaboradas, e mesmo ela sendo curta parece ser bem isso o desta. Amei sua resenha. Beijos.

    Blog: https://fanficcao.wordpress.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Jessica!

      Eu também não sou muito dos contos, mas como esse livro é pequeno, acho super válida a tentativa, você vai se surpreender! Obrigada :)

      Beijos!

      Excluir